Google+

4 de mai de 2014

As Taras de um Mini Vampiro

Feito pelo mestre de Sady Baby (precisa escrever mais alguma coisa ?).


Bim Bim, Renalto Alves, Walther Alvarenga, Makerley Reis, enfim, esse é mais um filme de Sady, correto ? Errado, é feito pelo seu mestre José Adalto Cardozo ! Na verdade não sei se posso dizer que é mestre, o que é fato é que o Adalto deu ''dicas'' no inicio da carreira do rei da putaria.

Esse como é um típico filme de Sady, pornografia da pior qualidade, diálogos improvisados e muito engraçados, falhas técnicas aos montes, mas esse aqui tem um pouquinho mais no desenvolvimento do enredo, dá para dizer que tem inicio, meio e fim (ou não... kkkkkk). Uma coisa é certa, é mais um exemplo onde se tirar o sexo, se torna uma comédia muito legal, tipo Amores de um Pistoleiro  !

No papel principal temos Chumbinho, um dos mais conhecidos atores da Boca do Lixo. Aqui ele tem mais falas coisa que normalmente não tinha em seus filmes anteriores. De acordo com o IMDB, esse foi seu ultimo filme. Agora vou fazer uma critica aos cinéfilos brasileiros em geral, Chumbinho é mais um caso onde se tivesse nascido nos Estados Unidos e trabalhado com John Waters, Ed Wood ou Quentin Tarantino seria conhecido no mundo todo. Tinha muito carisma e era engraçado.
Porra, ele tem um menção no IMDB (pequena é verdade), mas não tem nada no Wikipédia por exemplo !!! Pelo menos tem no Filmow...
Ninguém é obrigado a gostar de trash, porno (ou porno trash), mas a Boca do Lixo faz parte do cinema brasileiro, é um fato, se dá mais valor no estrangeiro do que aqui e isso é lamentável...

Mas vamos falar do filme, que tem como sinopse: No município de Batatal, um vampiro anão sedento de sangue aterroriza os casais (as vezes trios !) quando estão transando. O prefeito então decide explorar a imagem do vampiro para atrair turistas.
Como puderam reparar, é bem simples, mas o enredo conforme citado lá no inicio, se desenvolve bem, é claro que tem seus defeitos, mas por se tratar de uma comédia trash porno, é mais do que suficiente.

Foi dirigido por José Adalto Ribeiro, que entre outros fez ''Minha Cabrita, Minha Tara'', '' A Praia da Sacanagem'', ''Paraíso da Sacanagem'', ''Massagem for Men'' e o mais polêmico de todos, ''Come Tudo'', onde uma criança de 4 anos atua numa cena de sexo com uma atriz maior de idade. Por curiosidade, esse filme foi reeditado (obviamente removeram a cena citada) e lançado com o nome ''Alucinações de um Gozador''.

Bem, mas vamos falar finalmente do filme, que repito, é muito engraçado ! Claro, para aqueles que apreciam porno trash !!!!!

O mini vampiro pronto para atacar !
Essa bomba começa com um casal namorando na rua de madrugada (hoje em dia isso é quase impossível no Brasil, o risco de ser assaltado é alto !) e então são abordados por um vampiro, ou melhor, um mini vampiro ! O prefeito flagra o momento e liga para seu assessor marcar uma entrevista, pensando no resultado disso tudo, assim seu município será conhecido nacionalmente.
Na manhã seguinte, o casal e o prefeito dão uma entrevista a um jornalista que também é cineasta, e então solicita autorização para filmar um história baseada nessa matéria. O prefeito que está louco para deixar Batatal famosa, é claro que permite.

Chega a noite, e já temos a primeira cena de putaria, entre dois homens e uma mulher, que curiosamente estão transando no meio do mato. Não dava para ir na casa de um ? Ou um motel ? Ou a grana estava curta ? Enfim, os três são presas fáceis para o mini vampiro, ou não, pois ele leva uma surra dos dois ao som tema da vitória de Rocky ! kkkkkkkkkkk

Agora a segunda cena, digamos, desnecessária, um homem, começa a bater punheta olhando revista de cavalos !!!! Tá louco !!!! PQP !!!!! Esse veio é o pai da mulher (Markeley Reis) que foi atacada no inicio do filme que por sinal está cozinhando para a equipe de filmagem.
Após a punhetinha, uma dupla de atores chega a uma fazenda, como estão meio perdidos, revolvem pedir informação, adivinhem para quem ? Ao veio punheteiro, que continua batendo agora assistindo um cavalo de verdade ! Após ver os dois, ele sai correndo de bunda de fora ! kkkkkkkk
Os dois então adentram o local, e o homem sai para dar uma mijada enquanto ela vai dar uma fumada. Agora uma cena muito bacana, ela começa a acaricia a terra (!), com isso o mini vampiro que estava enterrado (!) começa a ficar de pênis ereto (!), mas não se assustem, o bagulho é de borracha.
O mini vampiro sai da terra (não sem antes colocar seus óculos escuros) e vai atrás deles !!!

O mini vampiro saindo por baixo da terra !
Na perseguição, os três vão parar numa cena do filme que estavam rodando e claro, acabam estragando a mesma. Ao avista-lo, todos saem correndo !!!! O mini vampiro avista o caixão que estavam usando para a cena e ao abri-lo, sai dali o Walther Alvarenga (é com ''H'' mesmo, mas nesse filme está creditado como Walter), que faz o papel de vampiro no filme rodado no filme (entenderão ?).

Finalmente temos a primeira aparição de Renalto Alves ! Osvaldo, o caça vampiros ! Ele aparece na sala do prefeito:
- O senhor deve ser o Osvaldo, o caça vampiro, suponho ?
- Como adivinhou ? Aqui tem que rir, já que ele está com dois crucifixos, sal e sei lá mais o que !
- Simples dedução...
- Vamos ao que interessa, aonde está o vampiro ? Que tamanho tem ? Quantas pessoas já matou ? Quantas já chupou ? Aonde mora ?
- Calma, calma ! Uma pergunta por vez ! Avisou a imprensa da capital que tinha vindo para cá ? Não esqueceu de dizer o nome da cidade ? E o meu nome ? Qual o seu método de trabalho ?  A muito tempo caça vampiros ? Acha que vai dar ''cabo'' desse ? Já teve algum fracasso ?
Nesse momento chega os atores que fugiram do mini vampiro e então o prefeito faz um discurso para não se preocuparam mais, pois agora em Batatal tem um caça vampiro !

Depois disso, numa conversa particular, o prefeito Maciel orienta o caça vampiro a não matar o vampiro, pois segundo ele, faz bem para o reconhecimento nacional e até internacional de Batatal e ele quer ser reconhecido como o politico que colocou o município no ''mapa''.

O prefeito Maciel e o caçador de vampiro Osvaldo.
O filme está ficando cada vez melhor, e agora acontece o primeiro encontro entre o caçador e o vampiro, numa praça de madrugada:
- Fica onde está filho de Satanás !
- Opa, me desculpe !
- Qual é a tua personagem das trevas ?
- Só estou a fim de descolar um paquete para um chazinho aqui... Faz tempo que não vejo sangue, estou numa pior... To no fim da picada...
-  ♪ Vim te caçar e com tua vida acabar... ♫
- Se tá com a égua na sombra, em meu ? Tem tempo até para versinho !
- Isso faz parte do ritual caça vampiros !
- Tenha dó, olha para mim... Tira esse negocio do pescoço que vou contar minha história e você vai entender.

Infelizmente não podemos assistir a história, e a cena corta para o caçador na sala do prefeito Maciel que fica empolgado pois virão americanos que estão interessados no vampiro, mas Osvaldo já vai avisando que o coitado do mini vampiro está na ''capa da gaita'' e quase morrendo de fome, além de suas presas estarem quebradas. O prefeito orienta que o caçador deve dar um jeito de manter ele vivo.

Osvaldo então vai até a casa do vampiro que desabafa:
- Não sei porque vivo assim... Até parece praga de alguém que não vai com a minha cara...
- Eu compreendo cara, mas o que eu posso fazer por você ?
- Não conhece alguém que queira levar uma picada de vampiro, não ? Não dói muito e dá uma emoção bem diferente !
- Eu posso pensar.
- E depois, se não fosse os vampiros, o que seria dos historiadores, dos romancistas e cineastas ?

Corta para uma desnecessária cena de sexo onde a mulher que foi atacada no inicio do filme fica espiando e então chega o caçador que está procurando uma das atrizes que chama de ''namoradinha'', sendo que se conheceram no dia anterior ! Ela que está com a periquita em chamas, começa a ataca-lo ! Ele claro que ataca também, e então aparece a tal namoradinha fumando um baseado e estando mais chapada que a Amy Winehouse no auge da loucura. Detalhe, era ela que estava na cena de putaria.
Osvaldo pede então uma ajuda e ela toda ''aérea'' mesmo:
- Eu ? Levar um pico de vampiro...? Mó barato... Veja só... Um pico de vampiro... Pô meu, esse vampiro que se cuide... Um pico de vampiro...
- Então topas ?
- Eu já tô lá !
Podemos reparar que o caçador é mesmo um amigo, cede até a namoradinha para salvar o vampiro !
Mas o coitado está com os dentes tudo quebrado lembram-se ? E então não consegue morder a mulher:
- Desisto, vou morrer a beira de uma jugular... Oh vida...
A mulher com pena do coitado tem uma ideia, como ela está menstruada, deixa ele fazer um sexo oral, salvando-o pelo menos por um tempo !
Essa cena é clássica na Boca do Lixo !!!! O Adalto foi criativo, não ?

Mini vampiro no dentista.
O prefeito para mostrar que está fazendo de tudo para caça-lo, solicita a Osvaldo falar nas rádios como está a busca e manda o mini vampiro ao dentista, sim isso mesmo, ao dentista (acho que é a primeira vez que vejo isso, a primeira e unica !).
Por falar na rádio, a entrevista do caçador é muito legal:
- E então eu acho que esse vampiro aqui de Batatal, ele é vivo, inteligente, escorregadio, mas a minha experiencia vai fazer coloca-lo atrás das grades, rápido, rápido; pode ter certeza disso.
- E esse vampiro é grande ou é pequeno, tem visto alguma coisa sobre isso ? - Pergunta o radialista.
- Ele é pequeno, é um anão pequeno (existe anão alto ? kkkkk), sabe ? É um vampiro anão pequeno, ele é raro, uma especie rara, mas as vezes até dificulta, ele é pequenininho, passa pelas pernas da gente e é difícil da gente encontrar, talvez aí resida a maior dificuldade de a gente ter esse vampiro. Eu já enfrentei até vampiro japonês.
- O senhor já teve essa experiencia antes ?
- Já, eu tenho quase 30 anos de ''vampirologo'', eu me formei na faculdade ''vampirológica'' da Transilvânia. Eu sou bom nisso.
- Escuta, vampiro transmite AIDS ?
- Olha, não tem nenhum estudo aprofundado sobre isso, mas eu acredito que se ele tiver um comportamento de um homem normal e for homossexual e ter todas as condições para ter AIDS ele deve ter sim.
Naquela época, era comum associar a AIDS com homossexualismo, que essa doença não afetava os héteros. Chega então o mini vampiro para trocar suas presas, mas o dentista tem outras intenções e pretende entregar o coitado. Ele o dopa e quando está prestes a sair, atende outro paciente. Para esconde-lo, o coloca para fora da janela !

Se isso é jeito de ''esconder'' o mini vampiro...
Do lado de fora, o vampiro pede ajuda a um cara que estava passado, para colocar algo para cair e ele trás um colchão. Curiosamente, o coitado tinha uma ''gilete'' no bolso e corta a corda. Tentam pegar ele, mas como é ''escorregadio'', foge, até que coincidentemente, escala um muro (não sei como, pois ele era bem alto) e do outro lado, um mulher estava fazendo um bola gato. A propósito, o pessoal de Batatal (pelo menos naquele tempo...) adorava transar na rua, não é possível !
Ele pula no casal e a mulher acaba fazendo uma penectomia com a boca fazendo jorrar sangue !!! O vampiro vai atrás do cara, lambendo os rastros de sangue que o agora castrado vai deixando até dar de cara com o dentista, mas claro, o vampiro é mais esperto e consegue fujir !

Já em casa, recebe uma visita do Osvaldo que o trás uma bolsa de sangue:
- É para você cara ! Vai se virando com isso enquanto os americanos não chegam !
- Obrigado ! Muito obrigado !
- Ué ? Você esteve fazendo cooper ?
- Como se não bastasse, a minha maior desgraça e estar no cinema brasileiro, se eu fosse um vampiro americano, na hora do perigo, eu virava um morcego e saia voando. Mas aqui só levo porrada...
- Vem cá, estou com uma ideia genial para tentar melhorar o seu astral !


O mini vampiro sendo atacado.
Já estamos no final do filme, mas, qual é essa ideia ? Assistam e curtam ! O final é bem divertido !

AS TARAS DE UM MINI VAMPIRO tem ainda uma musica tema escrita e cantada por Walther Alvarenga !!!!
Esse filme tem muito mais coisas divertidas que não coloquei, então, se você gosta de ''porno trash comedia estilo Sady Baby'', esse aqui é obrigatório !

Trailler (não tem)

As Taras de um Mini Vampiro
Brasil
1984 - 61 minutos

Direção:
José Adalto Cardoso

Elenco:
Chumbinho (Anão Vampiro)
Bim Bim (Prefeito Maciel)
Renalto Alves (Osvaldo, o caça-vampiro)
Makerley Reis (Ator)
Nayxa Ravieri (Ator)
Walther Alvarenga (Ator)
Walter Gabarron (Cineasta)

Download

Comentários
5 Comentários

5 comentários:

  1. Eu já tinha ouvido falar nesse filme, mas não tinha tido muita informação.
    E o Chumbinho é uma das grandes incógnitas do Cinema Brasileiro atual, porque ninguém sabe que fim ele levou depois que deixou a Boca do Lixo (parece que todo mundo que trabalhou lá e ainda tá vivo perdeu contato com ele já há muitos anos).

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pelos comentários que li em alguns blogs, ele está na merda e não quer ajuda de ninguém, mas como não é possível saber se isso é verdade, preferi deixar de fora do post.

      Excluir
  2. Olá!

    Sou leitor do O melhor (dos piores) filmes B do mundo ! e sou cinéfilo de carteirinha. Eu estou mandando esse email porque estou trabalhando numa empresa que desenvolveu um portal sobre cinema - o Cinema Total (www.cinematotal.com). Um dos atrativos do site é que você cria uma página dentro do site, podendo escrever textos de blog e críticas de filmes. Então, gostaria de sugerir que você também passasse a publicar seus textos no Cinema Total - assim você também atinge o público que acessa o Cinema Total e não conhece o O melhor (dos piores) filmes B do mundo !.

    Se você gostar do site, também peço que coloque um link para ele no O melhor (dos piores) filmes B do mundo !, na seção Top 10 Parceiros.

    Se você quiser, me mande um email quando criar sua conta que eu verifico se está tudo ok.

    Um abraço,

    Marcos
    www.cinematotal.com
    marcos@cinematotal.com

    ResponderExcluir
  3. Olá Marcos, eu fiz uma conta lá:
    http://www.cinematotal.com/blog-de-usuario/1424/filmelixo/filme-lixo.
    Sobre o Top 10, eu criei para colocar os parceiros que mais me mandaram visitas no ultimo mês.
    Abraço.

    ResponderExcluir
  4. O filme + divertido do Chumbinho !

    ResponderExcluir